Greve Geral: Trabalhadores confraternizam e se manifestam no Largo Glênio Peres

Trabalhadores de todos os segmentos que paralisaram suas atividades nesta quinta-feira, dia 11 de julho, se concentraram no Largo Glênio Peres, no centro da cidade, no final da tarde. Milhares de pessoas se fizeram presentes e confraternizaram o sucesso da paralisação, numa demonstração de força dos trabalhadores.

Por volta das 15h30 os trabalhadores começaram a chegar, finalizando caminhadas vindas de três pontos da cidade. Uma delas, que saiu da estátua do Laçador, percorreu a Avenida Farrapos até o Centro.

Uma segunda partiu da Rótula do Papa, percorrendo os bairros Menino Deus, Azenha e Cidade Baixa. O terceiro grupo deixou o Largo Zumbi dos Palmares, na Cidade Baixa, e se dirigiu ao Centro.

No Largo Glênio Peres um caminhão de som recebeu os representantes dos trabalhadores, da CUT e demais Centrais Sindicais (CTB, Força Sindical, UGT, CSP/Conlutas, CGTB, CSB e NCST).

As manifestações ressaltaram as bandeiras de luta, como o fim do fator previdenciário, 10% do PIB para a Saúde, 10% do PIB para a Educação, redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução de salários, valorização das aposentadorias, transporte público e de qualidade, reforma agrária, mudança nos leilões do petróleo, extinção do PL 4330 sobre terceirização, reforma política, reforma urbana e democratização dos meios de comunicação.

Fonte: SindBancários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 3 =