Comando reforça chamado para a greve no Banrisul

Os banrisulenses entraram pra valer em mais uma greve geral dos bancários. Além de garantir o fechamento do maior número de unidades por banco no interior do estado, na Capital o movimento também é forte no Banrisul. Na quinta-feira (26) à tarde, os banrisulenses engrossaram a caminhada de luta promovida pelo SindBancários e a Fetrafi-RS nas ruas do Centro de Porto Alegre.

Os trabalhadores do Banrisul sempre tiveram papel de vanguarda nas greves da categoria. A importância desta participação massiva no movimento é destacada pelos diretores da Fetrafi-RS e do Comando Nacional dos Banrisulenses, Carlos Augusto Rocha e Denise Corrêa.

“A grande participação dos banrisulenses na caminhada reflete o estado de mobilização dos trabalhadores. Por outro lado, cobra uma posição imediata da direção do banco quanto ao andamento das negociações específicas. Entramos na greve apostando na unidade da categoria para conquistar avanços gerais e específicos”, afirma Denise.

“A greve está em um momento decisivo. Sem pressão, os banqueiros não irão voltar à mesa de negociação com vontade de resolver a campanha. Para que a greve continue crescendo dia após dia, os banrisulenses devem se integrar ao movimento de maneira massiva. Não há construção de acordo coletivo com avanços, sem participação coletiva”, destaca Rocha.

Os dirigentes ressaltam ainda, que os sindicatos devem intensificar o chamado para a greve em todas as unidades do Banrisul de suas bases para garantir a evolução do movimento. Para os sindicalistas, também é preciso incentivar a realização de atividades alternativas para convocar os bancários a participarem do calendário de mobilização da categoria.

Fonte: Imprensa Fetrafi-RS
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez + 17 =