Demora no atendimento gera fechamento de agência do Santander

Após ficar mais de duas horas na fila em uma agência do Santander da Capital, aguardando atendimento, um cliente procurou o SindBancários para denunciar o desrespeito. De acordo com informações do Sindicato, a unidade ficou fechada durante toda a terça-feira, 11 e vai continuar nesta condição até que haja um número suficiente de trabalhadores para atender bem os clientes.

O Santander tem seguido uma lógica perversa para ampliar os lucros: piorar o atendimento, reduzindo o volume de trabalhadores por agência e, ainda assim, continua a demitir. “Quando é um cliente que liga para o Sindicato para dizer que ficou duas horas na fila é porque a situação é absurda. Clientes entraram em contato com o SindBancários para dizer que estavam ficando até duas horas na fila do caixa porque havia apenas um colega atendendo. Isso significa que há bancários trabalhando mais do que podem para compensar ausências por motivos de férias. Também falta gente para prestar um serviço decente”, diz o diretor do SindBancários e funcionário do Santander, Ronaldo Brum.

O presidente do SindBancários e funcionário do Santander, Mauro Salles, salienta que a diretoria está atenta à exploração praticada pelos bancos. “Os colegas e os clientes podem procurar o Sindicato. Sempre respondemos prontamente a esses casos de exploração. É nossa responsabilidade tomar uma atitude que mostre o quanto a categoria é digna e de luta", afirma o presidente.

Fonte: SindBancários de Porto Alegre com edição da Fetrafi-RS
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × cinco =