Dia Nacional de Luta contra práticas antissindicais do BB será na quarta

Os funcionários do Banco do Brasil realizarão na próxima quarta-feira (29) um Dia Nacional de Luta, com manifestações contra as práticas antissindicais do BB contra funcionários, militantes, representantes sindicais de base e dirigentes sindicais.

O Banco do Brasil, seja por ação da diretoria ou de administradores, tem se utilizado de práticas antissindicais para coibir a ação de militantes que defendem os direitos dos funcionários.

Um exemplo dessas práticas foi a demissão, pelo BB, da bancária e diretora do Sindicato do Bancários de Alagoas e dirigente da Contraf-CUT Arivoneide Moraes, por tornar público que havia vagas no banco para os concursados de 2012, quando o BB preparava um novo concurso.

Além deste, outros casos existem em todo o país envolvendo militantes de base, delegados sindicais e práticas de perseguição com ameaças de processos administrativos, muitas vezes injustos e arbitrários.

Em julho, foi lançada a revista O Espelho, que mostra casos de condenações do BB na justiça por práticas antissindicais e assédio moral.

Os Sindicatos deverão organizar atividades com mobilização nas grandes concentrações e nas agências para denunciar as práticas da Gestão de Pessoas do BB, que tanto atacam aos direitos de organização dos trabalhadores.

Fonte: Contraf-CUT
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + vinte =