Bancários de Bancos Privados se reúnem entre os dias 7 e 8, em São Paulo

Os Encontros Nacionais dos Bancos Privados acontecerão entre os dias 7 e 8 de junho, na região central da capital paulista. Na ocasião, bancários do Bradesco, HSBC, Itaú e BMB irão se reunir para discutir assuntos relacionados à categoria bancária, levantar suas bandeiras e debater a conjuntura política.

Segundo o secretário-geral da Contraf-CUT, Carlos de Souza, a Confederação está otimista em relação ao encontro dos companheiros dos bancos privados, acreditando na unidade deste encontro construída por vários meses pelos bancários, debatendo a conjuntura nacional, possam alimentar os encontros do Itaú, do Bradesco, do HSBC e Banco Mercantil, na construção não apenas de uma grande e positiva campanha para os bancários, mas também na construção da resistência da nossa categoria aos ataques à democracia e ao patrimônio público nacional”.

Para o secretário, mais importante que as questões locais dos funcionários das instituições financeiras, os encontros serão um espaço privilegiado para discutir as questões da sociedade.

Os encontros acontecerão no Hotel Excelsior, que fica na Av. Ipiranga, 770 – República, São Paulo. A abertura será no dia 7, às 10h.

Clique aqui para ver o cronograma dos Encontros Nacionais dos bancos Privados.

Em defesa das Empresas Públicas

No dia 6 de junho, um dia antes dos encontros dos bancos privados, os bancários e bancárias de todo o país participarão do Ato em Defesa das Empresas Públicas, que acontecerá no Rio de Janeiro, com o objetivo de brecar a onda privatista do presidente interino, MichelTemer.

O ato será na Fundição Progresso, com a presença de intelectuais, políticos e representantes dos movimentos social e sindical. Centenas de entidades vão participar do evento, que terá ainda show musical. Confira a programação no cartaz.
As últimas declarações do presidente interino, Michel Temer, deixam claro que as empresas estatais e fundos de pensão estão com dias contados. As declarações acendem o alerta máximo para a mobilização contra o PL 4918 e outros que tramitam pelo Congresso Nacional, e reforçam a necessidade de uma grande participação no ato em defesa das estatais e serviços públicos.

Confira a delegação gaúcha aos encontros:

HSBC
José Orlando Ribeiro (Porto Alegre)
Joey Setesses Schwarzbold de Farias (Novo Hamburgo)
José Luiz Machado de Andrade (Alegrete)
Gilnei Vestfal (Porto Alegre)]

ITAÚ UNIBANCO
Catia Cilene Nobre Nunes (Porto Alegre)
Jairo Severo Soares (Porto Alegre)
Daniela Silva de Souza (Porto Alegre)
Edison Luis Amaral de Moura (Porto Alegre)}
Eduardo Munhoz Baptista (Porto Alegre)

BRADESCO
Luis Gustavo Vargas Soares (Porto Alegre)
Geovana Freitas (Porto Alegre)
Edson Ramos da Rocha (Porto Alegre)
Jefferson Garcia Cougo (Litoral Norte/RS)
Andrades Diehl Filho (Novo Hamburgo)
Sergio Luis Rochemback Seus (Pelotas)

Fonte: Contraf/CUT com edição da Fetrafi-RS
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 8 =