Valor do BB na proposta da Cassi será reajustado pelo Fipe Saúde

O valor de 23 milhões via ressarcimento de serviços que será repassado à Cassi pelo Banco do Brasil será reajustado pelo índice FIPE Saúde. Conforme acordado no Memorando de Entendimentos, o índice de correção seria estabelecido para que o valor tivesse reajuste anual. Naquela oportunidade, iniciou-se a busca de pareceres que dessem conforto jurídico ao contrato usando algum índice vinculado ao crescimento de despesas com saúde.

Nesta quinta-feira, dia 10/11 foi tomada a decisão de estabelecer o FIPE-Saúde como índice de correção do contrato de ressarcimento de programas de saúde entre o BB e a Cassi, parte integrante da proposta negociada entre o Banco e as entidades de representação do funcionalismo.

Para Wagner Nascimento, Coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB,  o FIPE Saúde foi o índice solicitado pelas entidades para que fosse usado como correção do contrato de ressarcimento, uma vez que boa parte das despesas médicas da Cassi são reajustadas por este índice. Isto dá ainda mais segurança em aprovar a proposta que está em votação, 

A Comissão de Empresa dos Funcionários do BB da Contraf-CUT orienta o voto SIM, em defesa da Cassi e dos seus associados, no conjunto da proposta apresentada que contempla programas de melhoria de gestão, auditoria e aporte de recursos por parte do BB e dos associados.

 

 

Fonte: Contraf-CUT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 3 =