Tuitaço denuncia discriminação e ressalta importância da cultura e do povo negro

Manifestação visa contribuir com as reflexões sobre a consciência negra

 

Nesta sexta-feira (20), Dia da Consciência Negra, a Confederação nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), sindicatos e federações de bancários e financiários de todo o país se somam às atividades em memória à Zumbi, líder do Quilombo de Palmares, que visam ressaltar a importância da cultura e do povo negro na formação da cultura nacional.

Para contribuir com as reflexões, será realizada, a partir das 12h, uma manifestação pelas redes sociais com a hashtag #VidasNegrasImportam.

“Vamos utilizar o Twitter para denunciar a discriminação racial, que pune a população negra, com a violência, a discriminação no mercado de trabalho e em toda a estrutura da sociedade. Não podemos mais tolerar o racismo!”, disse o secretário de Combate ao Racismo da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Almir Aguiar.

Materiais de apoio

Como forma de apoio às manifestações nas redes sociais, a Secretaria de Comunicação e a Secretaria de Combate ao Racismo da Contraf-CUT prepararam cards, vídeos e um banco de tuites. Todo o material está disponível na área restrita do site da Contraf-CUT e será enviado por e-mails para as entidades sindicais.

 

Fonte: Contraf-CUT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 6 =