Ana Botín é nomeada para ser nova presidente mundial do Santander

Ana Patricia Botín foi escolhida por unanimidade para presidir o Banco Santander após a morte de seu pai e dirigente mundial da instituição, Emilio Botín, aos 79 anos. A designação foi feita nesta quarta-feira (10) durante reunião do conselho de administração da instituição.

O presidente da comissão de nomeação, Fernando de Asúa, expressou o sentimento de pesar pela morte de Botín, que "foi importantíssimo para o banco ao protagonizar uma extraordinária transformação da instituição, convertendo-a na primeira da zona do euro e uma das mais importantes do mundo e para a Espanha".

A nova presidente agradeceu em nota a confiança do conselho de administração e disse que trabalhará para construir uma instituição cada dia melhor para os clientes, funcionários e acionistas.

"Neste momento tão difícil para minha família, agradeço a confiança do conselho de administração e assumo com total compromisso minhas novas responsabilidades. Durante anos trabalhei no Grupo Santander em distintos países e responsabilidade e pude comprovar a enorme qualidade e dedicação de todas as nossas equipes. Seguiremos trabalhando com total determinação para continuar construindo um Banco Santander cada dia melhor para nossos clientes, funcionários e acionistas", disse.

O Santander do Reino Unido disse que seu conselho se reunirá na próxima semana para escolher um novo presidente-executivo após Ana Botín, que chefiava o braça britânico do banco, ter sido escolhida para presidir o Conselho do Grupo.

Emilio Botín morreu na noite desta terça-feira aos 79 anos, após um ataque cardíaco.

Fonte: Valor Econômico com Terra
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 4 =