Assaltantes matam 3 vigilantes e explodem carros-fortes em Goiás

Uma quadrilha fortemente armado matou três vigilantes e explodiu dois carros-fortes na tarde de segunda-feira, dia 1º de dezembro, na BR-153, em Morrinhos, sul de Goiás. Conforme informações do delegado Ricardo Chueire, da Polícia Civil, o grupo usou um caminhão para interceptar as vítimas, bloqueando a rodovia na divisa com a cidade de Goiatuba.

Após matarem os três homens, a quadrilha explodiu os carros-fortes usando dinamites. Os explosivos não detonaram no terceiro veículo.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) interditou a pista por cerca de três horas. A quantia levada não foi informada. Um veículo usado pelos bandidos foi abandonado próximo ao local. Os assaltantes conseguiram fugir.

O presidente do Sindicato dos Vigilantes de Goiânia e diretor da Confederação Nacional dos Vigilantes (CNTV), Márcio José Brito, foi até o local e acompanhou todo o processo após a explosão em Morrinhos até o final da madrugada desta terça-feira (2).

"O Sindicato dos Vigilantes de Goiânia está ao lado das famílias das vítimas para garantir todo o apoio necessário neste momento difícil. Vamos cobrar para que a empresa ampare os familiares o que, até o momento, tem deixado a desejar", afirmou.

A perícia encontrou explosivos utilizados no ataque e para abrir os cofres dos veículos.

Fonte: Carolina Vilela – Uipi! com CNTV
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 − um =