Pará tem em 2014 maior número de ataques a bancos dos últimos 5 anos

Dezembro de 2014 ainda nem acabou, mas o estado do Pará já superou as próprias estatísticas de assaltos e tentativas de assaltos a bancos no comparativo com os últimos cinco anos.

Neste ano, de acordo com os registros feitos pelo Sindicato dos Bancários do Pará, a soma já alcança 54 ocorrências de violência contra bancos, das quais foram até agora 33 assaltos e 22 tentativas.

Os crimes mais praticados no estado neste ano de 2014 são o de "sapatinho" e de arrombamento, com 17 ocorrências dessas modalidades até o dia 15 de dezembro.

"Nosso Sindicato luta diuturnamente e cobra, tanto do governo estadual quanto das instituições bancárias, públicas e privadas, por mais investimentos em segurança pública e bancária. Mas, infelizmente, a situação somente se agrava ao passar dos anos. Os governos e os bancos precisam ser responsabilizados por isso, pois são eles que penalizam a sociedade com a sua omissão, por não investirem de forma efetiva em segurança", critica a presidenta do Sindicato, Rosalina Amorim.

"Os números parciais de 2014 mostram que os bancários têm sido, atualmente, um dos alvos preferidos das quadrilhas especializadas em roubo a banco aqui no Pará. Prova disso é numero de ocorrências da prática de \’sapatinho\’, o que mostra a fragilidade da segurança bancária em nosso estado. Para nós, a posse das chaves das agências deve ficar sob a responsabilidade de empresas especializadas em segurança, e não dos bancários, isso é fundamental para coibir a prática do \’sapatinho\’", avalia o diretor do Sindicato e membro do Comitê Nacional de Segurança Bancária, Sandro Mattos.

Fonte: Seeb Pará

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × quatro =