Reivindicações específicas da Caixa serão debatidas em reunião da CEE

Tem início nesta quinta-feira (4) a reunião de planejamento da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa), que assessora a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), nas negociações com o banco. No encontro, na sede da Fenae, em Brasília (DF), será definida a minuta da pauta de reivindicações específica a ser entregue à direção do banco no dia 9 de agosto.

Os membros da CEE vão debater os pontos que serão tratados durante a Campanha Nacional 2016 na mesa concomitante com a mesa unificada da categoria bancária e os pontos na mesa permanente de negociação com a Caixa. O documento será construído a partir das resoluções do 32º Conecef, realizado entre os dias 17 e 19 de junho, em São Paulo (SP).

No Congresso, delegados e delegadas de todo o país aprovaram reivindicações referentes às condições de trabalho, retomada das contrações, Funcef, Saúde Caixa, entre outros. Constam ainda como eixos centrais a defesa da Caixa 100% pública e fortalecimento do papel social do banco.

O Conecef deste ano teve como lema “Lutar sempre vale a pena – Nós somos a resistência !”. Outras necessidades apontadas foram intensificar a mobilização contra o processo de reestruturação, o Programa de Gestão por Desempenho (GDP) e o assédio moral e sexual.

“Mais uma vez, buscaremos construir uma pauta de reivindicações em sintonia com as necessidades dos empregados da Caixa. Agora, é hora de intensificar a mobilização para Campanha Nacional 2016, juntamente com os demais bancários, e evitar retirada de direitos e assegurar a Caixa como banco 100% público, voltado para o desenvolvimento social e econômico do país, e que respeite e valorize seus trabalhadores ”, afirma a coordenadora da CEE/Caixa, Fabiana Matheus.

A reunião de planejamento da CEE prossegue na sexta-feira, 5 de agosto.

Fonte: Contraf-CUT com Fenae
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 4 =