Mulheres de Caxias do Sul saem às ruas contra a reforma trabalhista e da Previdência

Dezenas de mulheres ( e também muitos homens)  integrantes de movimentos sociais e sindicatos de trabalhadores do município, entre eles o Sindicato dos Bancários de Caxias do Sul e Região, realizaram na manhã desta quarta-feira, 8 de março, uma concentração na praça Dante Alighieri, contra a reforma da previdência e reformas trabalhistas propostas pelo governo michel temer. A concentração iniciou por volta das 10h e foi seguida de uma caminhada até a frente da  sede do INSS do município, localizada na rua Visconde de Pelotas.

“Neste Dia Internacional das Mulheres, queremos denunciar o que está em trâmite no Congresso nacional”, disse o coordenador da secretaria de Organização e Política Sindical, Nelso Bebber.  “Temos a reforma da previdência, que fará com que os brasileiros trabalhem até morrer. E para piorar, simultaneamente temos a reforma das leis trabalhistas, que vai provocar a exclusão de milhares de brasileiras e brasileiros do mercado formal de trabalho, a partir da liberalização da terceirização, por exemplo.”

O sindicalista convoca todas as trabalhadoras e todos os trabalhadores para participarem, no próximo dia 15 de março, quarta-feira, das atividades que estão sendo desenvolvidas pelos sindicatos de trabalhadores de Caxias, que têm o objetivo de denunciar estas reformas que estão em curso. Também tem o objetivo de mobilizar a população para lutar contra estas mudanças, que poderão decretar o fim da CLT e da aposentadoria integral para milhões de trabalhadoras e trabalhadores brasileiros.

Fonte: Comunicação Seeb Caxias do Sul e Região

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

16 + dezesseis =